BLOG ABD

Designer de Interiores bem informado.


Em sequência, o conceito conduz ao partido, que nada mais é que sua materialização. O partido é consequência formal dos determinantes e da intenção plástica dada pelo briefing e pelo conceito, agora reificado - em termos da organização do layout, do jogo de planos bi e tridimensionais, do esquema cromático, da solução lumínica e da linguagem da ambiência, aptos a expressar e comunicar a ideia.

 

Por isso o designer de interiores precisa conhecer profundamente o meio onde atua - cultura, arte, materiais, tecnologia, mão de obra disponível, significados, valores e outros aspectos – só assim será capaz de solucionar o problema dentro do contexto onde se insere.

 

Ao esforço criativo de combinar elementos ou características em algo único – ideias, que influenciam diretamente o projeto - o conceito, deve-se somar o resultado dado pela sua materialização – o partido. Conteúdo e forma devem ser coerentes e compor uma linguagem única. Igualmente, quanto maior o repertório, maior a competência para tornar real o conceito de projeto e dele fazer uso como base, em compreensão verticalizada que se orienta rumo ao cerne do problema.

 

Patrocínio
ACESSO RESTRITO